11 junho 2014

O nosso 12

É, não adianta mesmo. Não adianta porque não vou esquecer - nem mesmo se quisesse - aquele dia, o teu sms e a tua voz ao dizer "...e, hoje, como não podia deixar de ser...". Nunca palavra alguma teve tanto significado ou fez tanta festa dentro de mim. Nunca um simples "beijo", antecedido pelo meu nome e escrito na tela do celular me fez ficar tão feliz, embora envergonhada por tê-lo lido sob olhares que não entenderiam se soubessem a real causa do repentino riso no meu rosto. Não adianta, eu sei. E, eu só queria que de algum modo, não adiantasse para você também! Mesmo na dúvida, porém, feliz dia para você!!! <3




***

Oi, gente! Conhecem essa música? A partir dela nasceu esse textinho. Espero que gostem!
Beijos,

Malu

2 comentários:

  1. Já estou reconhecendo sua forma de escrever antes de ver que o texto é seu.
    Parabéns Malu!
    Mais um texto lindo que toca o coração da gente.
    Ah se você soubesse como eu sei o que isso significa... Tem palavras que por mais que pareçam soltas fazem muito sentido para quem as escuta.
    Adorei!
    Bjosss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha... Então se eu escrever um livro e assinar com um pseudônimo, você vai me descobrir? Que linda, Ju!!!! <3

      Obrigada!!!!

      Excluir

Obrigada pela sua visita!
Ficaremos muito felizes com teu comentário!

Att,
Nós, Poéticos e Literários!
nospoeticos@gmail.com

Design por Amanda
[ voltar para o topo ]