25 outubro 2014

Problema no Coração



Eu espero que você não endureça a ponto de se tornar uma pedra, para que m dia ao entrar em um museu, eu não tenha que ver sua estátua em mármore, frio e branco, exposta na sala central.
Espero que seu coração se abrande e que você pare de se auto flagelar expulsando todo o amor da sua vida. Espero sinceramente que você aprenda a amar. Para que um dia você possa sentir - e não só pensar sobre - como é amar e ser amado.
Espero que você descubra que seu coração tem outra função além de bombear sangue para o resto do seu corpo. Que se lembre que sem o seu coração, nem mesmo o seu cérebro - esse do qual você tanto se orgulha - funciona.
Espero que se lembre que existiu um dia alguém que te amou - de todas as maneiras - como homem, como amigo, como irmão. Que acreditou em você. Que se embasbacou com cada palavra sua. Que vibrou com cada conquista. Que confiou plenamente em você. E que simplesmente, na hora em que mais precisou... Bom, você já conhece essa parte. 
Espero mesmo que você seja feliz. Quero encontrar alguma maneira de me livrar deste atual sentimento que tenho por você. Este sentimento que um dia já foi amor e que hoje se resume à pena. Não gosto de sentir isso, mas é inevitável. Não quero sentir pena de você, mas sinto. E isso me angustia e me machuca, e eu tento não me importar, mas não consigo.
Este texto não é escrito com a intenção de mostrar como eu sou incrível e superior; é escrito porque no meu coração já não cabe mais essa angústia, esse formigamento, essa vontade de me libertar desse sentimento ruim.
Por isso, espero que um dia você se conscientize.
Os cacos dos corações estilhaçados que você deixou pelo caminho podem, um dia, vir a ferir teus pés. Toda ação tem uma consequência e eu espero que as consequências das tuas ações não te tragam o sofrimento que você causou.
Espero que você pare de pensar e comece a sentir. Espero que você pare de analisar e comece a acreditar. Sua fé vai até onde a lógica explica, e depois a pessoa sem fé sou eu? Pense a respeito.
Espero que a vida te reserve boas surpresas, que você conquiste teus sonhos. Foça de vontade e capacidade não lhe faltam.
Espero que você saiba - antes que seja tarde demais - que não é um cardiologista que vai resolver o problema no teu coração.

2 comentários:

  1. Por favor, srta Juliana! Da próxima vez em que me escrever uma carta, sugiro que a coloque dentro de um envelope, com meu endereço no destinatário e a envie pelo correio, ta?

    hahaha acho que isso diz o quanto adorei esse texto, ne?

    Lindo, lindo, lindo, gêmea! Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eita Malu! hahahaha
      Vejo que a sintonia continua afiada! Que bom!
      Esta "carta", escrevi para alguém que muito me machucou. Uma pessoa que tinha muita cabeça, mas pouco - ou nenhum - coração. alguém que se trancou dentro de si mesmo por medo de uma coisa que ele não podia controlar. Uma coisa chamada Amor. Ele preferiu ficar com o que era confortável e assim, jogou o amor pela janela. Mas um dia ele aprende. Quem sabe...
      Obrigada por comentar!
      Bjossss

      Excluir

Obrigada pela sua visita!
Ficaremos muito felizes com teu comentário!

Att,
Nós, Poéticos e Literários!
nospoeticos@gmail.com

Design por Amanda
[ voltar para o topo ]