20 março 2015

Desprezo

Google imagens

Ao subestimá-la mal sabia que cavara a própria cova!
Por ver o seu rosto inocente e angelical jamais pudera imaginar que por dentro ela cultivava desprezo e, por não imaginar que o acúmulo de tal sentimento pudesse torná-la capaz de reagir a tamanha insolência, surpreendeu-se com o final trágico que acabara por vivenciar.


________________________________________

Por: Cácia Dantas

4 comentários:

  1. Que lindo Cah!!! Parabéns pelo texto flor! <3

    ResponderExcluir
  2. Hey, Cá!

    Sabe a Elisa do "Momento"? Esse texto fala dela, é? rs

    Adorei! :) :) <3

    Beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Malu, não estava pensando na Elisa, mas como existem muitas Elisas por aí! Então esse texto também é dela! ;)

      Beijoo

      Excluir

Obrigada pela sua visita!
Ficaremos muito felizes com teu comentário!

Att,
Nós, Poéticos e Literários!
nospoeticos@gmail.com

Design por Amanda
[ voltar para o topo ]