01 agosto 2015

Ensaio sobre o adeus que não quero dar...



É porque você vai embora que tudo tá tão estranho desse jeito...
O coração apertado e o peso da distância desde já querendo se fazer presente...
A procura por você e, o imediato alívio, ao constatar sua presença 
e essa loucura toda tomando conta de mim...
Um estranho bater no coração, que há muito tempo não batia desse jeito; 
o desejo de criar qualquer desculpa para fazer você se aproximar...
Um sussurro, uma palavra, um sorriso...
Um entendimento secreto compartilhado...
As pernas bambas como as de uma pré adolescente apaixonada pela primeira vez...
A insensatez de desejar aquilo que não posso ter, de olhar de longe sabendo que não posso tocar, que os olhares que me lança não tem o mesmo significado que os meus...

É porque você vai embora 
que tudo tá enlouquecido aqui dentro do meu peito...
Porque desejo em silêncio,
Porque te quero comigo,
Porque não posso querer,
Porque não posso desejar,
Porque simplesmente não posso 
Te pedir para ficar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela sua visita!
Ficaremos muito felizes com teu comentário!

Att,
Nós, Poéticos e Literários!
nospoeticos@gmail.com

Design por Amanda
[ voltar para o topo ]