08 outubro 2015

Adeus, você.


Eu te amei desde que te conheci, mas não me permitir sentir todo esse amor verdadeiramente. Eu estava sempre naquela coisa de dar dois passos à frente e três para trás. Tentando tomar decisões que me livrasse do medo, e no entanto ele persistia em ficar. Só que hoje, dada a tantas circunstancias, além do que aprendi contigo, cada escolha foi bastante diferente e a minha vida, nossa, a minha vida mudou completamente.

Acho que finalmente entendi a tão fatal diferença entre sobreviver e viver inteiramente, e doar-se de fato, e essa compreensão acontece, creio eu que na hora exata, não se importando se você tem apenas um minuto ou 20 anos!

Se não fosse por esse momento ou por você, provavelmente eu nunca iria conhecer o amor, então, obrigada por ter sido a pessoa que me ensinou a amar, e me deixar com a plena certeza de que fui amada.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela sua visita!
Ficaremos muito felizes com teu comentário!

Att,
Nós, Poéticos e Literários!
nospoeticos@gmail.com

Design por Amanda
[ voltar para o topo ]